DÉBORA DENADAI EM PROSA E VERSO

FAZER POESIA É LAVAR A ALMA FAZENDO SANGRIA...

Meu Diário
22/05/2005 17h03
QUANDO A GENTE SOBE E DESCE...
Gracinha, né, moçada? Pelo título já pensaram em oooooooutro sobe e desce,né? Naninanão... O assunto é menos divertido. Tô falando daquela meleca de acordar pra comediante e no meio dia ficar com um humor de fazer inveja a qualquer TPM das mais horrorosas. Acorda periquito e vira urubu, sabe como?
É lógico que eu e todo mundo gostaríamos de viver numa eterna planície, humor de bem com a vida all the time. Sorry, babies...e especialmente, ladies. As moças, principalmente, sabemos que se há algo impossível pra nós é bom humor permanente, estável. Meninos, compreendam, os hormônios não perdoam.
A gente tende a não aceitar o baixo-astral, a querer estar sempre up,up, up...E quanto menos aceita, pior. O bicho pega mais forte. Aquilo que você teme, rejeita, ganha mais força ainda.
Se a depressão me ensinou alguma coisa, é que só há uma maneira de ver a luz: aceitar a sombra. Só no escuro pode se ver luz. Experimente entrar numa sala completa e fartamente iluminada. Acenda uma luz e veja se faz diferença... Em compensação, se não houver nenhuma luz na sala, você já sabe o resultado.
MUITOS DIAS DE LUZ A TODOS VOCÊS, MAS NÃO MALDIGAM A SOMBRA. TIREM PROVEITO DELA.
beijos no coração e um belo beliscão na bunda
d

Publicado por Débora Denadai em 22/05/2005 às 17h03

Site do Escritor criado por Recanto das Letras